13.4.15

Frederico Barbosa: "As cidades e seus donos"




As cidades e seus donos

há cidades desconfiadas
impessoais misteriosas
recife são paulo
em que se mora por empréstimo
de aluguel de passagem
sem se sentir dono
como inquilino temporário
mas que ninguém tem

há cidades que por mistério
se entregam por inteiro
salvador rio de janeiro
em que cada morador
é proprietário verdadeiro
em que todo o povo
sente-se e afirma-se dono
em todo gesto no menor jeito



BARBOSA, Frederico. "As cidades e seus donos". In:_____. Na lata. Poesia reunida 1978-2013. São Paulo: Iluminuras, 2013.

2 comentários:

CICERO [N.C.S] disse...

Caro poeta Antônio Cícero admiro muito o seu trabalho e a sua poesia é muito boa! Parabéns! O poema seu que eu sempre gostei foi "A CANÇÃO da ALMA CAIADA. Excelente, como tudo que escreve!

Meu blog de poemas é http://CASTELOdeMARCAS.blogspot.com.br
sempre posto uma coisa sua lá.

Tudo de bom pra ti e FELICIDADES 1000!!!

Do poeta CICERO [N.C.S]

Antonio Cicero disse...

Caro poeta Cicero,

Muito obrigado! Fui ao seu blog e achei ótimo. Parabéns! Felicidades 1000 para você também!