17.8.13

Alex Varella: "Nosso mito"






Nosso mito


O mundo estava às escuras.

Tudo era regido então pelo breu da Grande Indistinção.

O dia em que acendeu a luz da Poesia

tudo ficou tão claro,

ainda mais indistinto.

Passou a ser regido então

pela luz da Grande Indistinção.

Poesia é a arte de alcançar de novo a indistinção.

De alcançar a indistinção pela luz,

não pelo breu.





VARELLA, Alex. céu em cima / mar em baixo. Rio de Janeiro: Topbooks, 2012.

2 comentários:

ADRIANO NUNES disse...

Cicero,

que poema belo do Alex Varella! Salve! Todo o livro "céu em cima / mar em baixo" é um encanto. Salve!


Abraço forte,
Adriano Nunes

Erick Monteiro Moraes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.