20.1.13

Site de Evando Nascimento






Recomendo a todos visitar o excelente novo site do escritor e professor Evando Nascimento, no endereço http://www.evandonascimento.net.br/.

3 comentários:

Alcione disse...

Muito bom o site mesmo, parabéns! Obrigada por mais essa ótima dica,

Invernada

Defronte a mim
Um espelho d água
Rosa e carmim
Em plena invernada
Sonho suponho
Ah, com esse beijo
ansiado
Agora aqui do meu lado
Pingando gotas de mel
Tão difícil viver assim
Com tudo longe de mim
Ipê
Ipê-amarelo
Ipê-bóia
Ipê-branco
Ipê da folha miúda
Ipê preto
Tropeço
Ao ouvir a passarada
Que passa sem ver nada.

ADRIANO NUNES disse...

Cicero,


um poema:


"Mesmo" - Para Wilson Caritta Lopes

Todo poema é uma Esfinge.
Decifrá-lo é perder a chance
De ser devorado por ele.
Melhor apenas lê-lo, amá-lo,
Senti-lo, encará-lo, dizê-lo,
Guardá-lo no peito. Ou no cérebro

Mesmo.

Abraço forte,
Adriano Nunes

Carlos Pedala disse...

Também
(Carlos Pedala) Pra Antônio Cícero

Nem sei o porque escrevo poesia
Pois tenho pressa
E covardia

Realmente não sei
Nem tenho aspirações tão elegantes
Apenas pressa e covardia
Vivem em minha companhia

De fato, não faço a menor ideia
Mas faço poesia
Com pressa e covardia

Cai a noite, vem o dia
E eu por aí
Com pressa, poesia e covardia

Na verdade nem se se o que faço é poesia
Pois as únicas coisas que tenho é presa,
é covardia

Ah, e me esqueci de mencionar
Um pouquinho de preguiça
Também...