25.6.16

Daúde canta "Quase", de Caetano Veloso (música) e Antonio Cicero (letra)



Gosto muito de ouvir a Daúde cantando a canção que Caetano Veloso fez com meu poema "Quase". Ouçam:

6 comentários:

Aline Genaro disse...

É um dos seus poemas que mais amo

Fernando Magre disse...

Olá Antonio Cicero. Primeiramente, gostaria de expressar minha admiração pelo seu trabalho poético e pelas felizes parcerias que resultaram em canções fantásticas.
Em segundo lugar, gostaria de fazer um pedido: há um tempo atrás (creio que alguns anos), encontrei ao acaso um vídeo em que a atriz Maria Gladys recitava o poema "Quase". Essa leitura permanece insistentemente na minha memória, mas não consigo encontrá-la em lugar algum. Você sabe desse vídeo? Saberia me dizer onde encontra-lo?
Desejo-lhe sucesso e muita ventura.
Um abraço,
Fernando Magre

Antonio Cicero disse...

Caro Fernando Magre,

Muito obrigado pelo estímulo que suas palavras me dão.
Infelizmente, também não sei onde encontrar esse vídeo. Como devo estar com a Maria Gladys está semana, vou perguntar a ela.

Abraço

Fernando Magre disse...

Caro Antonio Cícero, obrigado pelo retorno. Se descobrir algo sobre o vídeo, por favor, me avise.
Abraços!!
Fernando.

Antonio Cicero disse...

Caro Fernando,

Estive com Maria Gladys, como lhe havia dito, e lhe perguntei sobre o vídeo, mas ela tampouco sabe onde encontrá-lo. É uma loucura...

Abraço

Fernando Magre disse...

Olá Antonio Cícero!! Sigo buscando... aquele vídeo é uma joia!
Abraço e sucesso!